ENCICLOPÆDIA

BIOGRÁFICA DE

ARQUITETAS e ARQUITETOS

DIGITAL 

"EBAD" - DESDE 2015 - by Silvio Durante
ANTÊMIO DE TRALES
♦ Trales 474
† Constantinopla, 534
 
Mosaico de
Antêmio de Trales

Antêmio nasceu na cidade de Trales, cidade pertencente ao Império Bizantino, pertencente à uma família de eruditos. Seu pai era Stefano, médico em Trales. Seus irmãos  Dioscoro  e Alexandre tornaram-se médicos também servindo, respectivemnte em Trales e Roma. Seu outro irmão, Olímpio tornou-se jurista e seu ultimo irmão, Metrodoro, foi um distinto teórico de gramática em Constantinopla.

 

Antêmio era um exímio geômetra e ensinou matematica em Constantinopla. Como matemático, ele realizou trabalhos sobre as cónicas e sua principal obra foi "Sobre espelhos que queimam", onde são descritas as propriedades físicas da parábola, baseado nos anteriores estudos de Arquimedes de Siracusa. Segundo conta-se, Arquimedes utilizou esses espelhos para incendiar os navios romanos que vinham cercar a cidade de Siracusa através da concentração de raios do sol em sua concavidade.

 

Seus estudos geométricos foram muito útil para a construção de diversas obras que lhe foram confiadas. Entre eles está um método de construção de uma elipse com uma corda fixa nos dois focos (conhecido por método do jardineiro) ou o estudo das propriedades focais de uma parábola.

 

Sob o reinado de Justiniano,  Antemio realizou sua primeira grande obra religiosa, o templo "Pequena Santa Sofía", tambem conhecido como "Kücük Ayasofhia Camii", um dos mais antigo centros religiosos da cidade de Constatinopla, tido como origem da igreja bizantina e transformada em mesquita no  início do século XVI pelos turcos e existente até os dias de hoje.

 

Sua maior obra foi a construção da Basílica de Santa Sofia, em parceria com outro grande arquiteto bizantino, Isidoro de Mileto.

 

Antêmio morreu dois anos após o inicio das obras da Basílica de santa Sofia, que foi continuada por Isidoro de Mileto e finalizada em 537.

PERFIL BIOGRÁFICO:

 

PRINCIPAIS OBRAS:

 

> Igreja "Pequena Santa Sofía" - 527, Constantinopla (hoje Istambul) - dedicada inicialmente à São Sérgio e São Baco (1) ;

 

>  Basílica de Santa Sofia - 532 - 537, Constantinopla (hoje Istambul) (2) - é a maior expoente da arte bizantina e foi durante quase 500 anos a maior basílica do mundo. Com a construção deste templo, o Imperador Justiniano pretendia transformar o local no centro mundial do cristianismo.  Seu interior é ricamente com mosaicos e ícones, conta com pilares de mármore de grande valor artístico.

considerada a maior conquista arquitetônica da antiguidade tardia (pós queda do Império Romano) sua influência se espalhou pelo mundo ortodoxo, católico e islâmico. As maiores colunas são de granito, com entre 19 e 20 metros de altura e pelo menos 1,5 metros de diâmetro, tendo a maior mais de 70 toneladas.

O vasto interior tem uma estrutura complexa. A nave é coberta por um domo central que, no seu ponto mais alto, está a mais de  55 metros do chão e repousa sobre uma arcada com 40 janelas arqueadas.

As superfícies interiores são cobertas com mármores policromáticos. O exterior, revestido de estuque, foi pintado de amarelo e vermelho nas restaurações do século XIX.

 

1

2

REFERENCIAS:

 

- FERNANDES, Prof. Carlos. ANTEMIO DE TRALES. Dicionário Só Biografias. disponível em http://www.dec.ufcg.edu.br/biografias/Antemius.html. Acesso em 29 de junho de 2015

 

- FERRO, Paulo. ANTEMIO DE TRALES. Site Desafio Matemáticos. Disponivel em https://sites.google.com/site/desmatematicos/matematicos/antemio-de-trales-474---534. Acesso em 29 de junho de 2015.

 

GLANCEY, Jonathan. Guia Ilustrado de Arquitetura. Trad. Laura Alves e Aurélio Rebello. Rio de Janeiro: Zahar, 2012.

Como citar este documento:

Enciclopædia Biográfica de Arquitetos Digital

Autor(es) do verbete:: DURANTE, Silvio
Título: Antêmio de Trales

Documento nº: A15
Disponível na Internet via: 
Última atualização: 29/06/2015

Início

Índice A-Z

Índice A

Enciclopédia Biográfica de Arquitetas e Arquitetos Digital